Quem vai limpar essa sujeira?

Vale, Marinha e Petrobras trabalham para evitar vazamento de óleo e naufrágio de navio sul-coreano.

O navio sul-coreano que encalhou a 100 km do litoral maranhense transporta quase 295 mil toneladas de minério de ferro e 3,6 mil toneladas de óleo. A Vale revelou o volume da carga transportada pela embarcação após 2 dias de questionamentos feitos pelo Estadão.

A embarcação transporta quase o seu limite (300 mil toneladas) e teve 2 vazamentos, que deixaram manchas de óleo no mar.

A Petrobras confirmou ajuda à mineradora na contenção do óleo e a Marinha avalia as chances de evitar o naufrágio e de desencalhar a embarcação. A Vale afirmou ter contratado especialistas na retirada de óleo em navios. A proprietária da embarcação também teria contratado.

Equipes continuam no local com 2 outros navios e helicóptero, fornecidos pela Marinha, para avaliar as chances de evitar mais um desastre ambiental. Os 20 tripulantes foram retirados em segurança do navio, que tem 55 metros de largura e 340 metros de comprimento.