Mercado prevê PIB menor e Selic a 2%

O mercado financeiro prevê uma queda de 6,54% para o PIB neste ano, diminuindo ainda mais a expectativa dos economistas, estima o relatório Focus, do Banco Central. No mesmo levantamento, a expectativa para o ano que vem é de crescimento de 3,50% da economia, mantendo a previsão anterior. 

Um novo corte da Selic é esperado pelo mercado financeiro na reunião de agosto, com a taxa ficando em 2% ao ano, uma redução de 0,25 ponto percentual frente ao atual patamar. Mas até dezembro de 2021 a taxa básica de juros subiria para 3%, segundo a estimativa dos economistas.

Houve ainda uma leve alta na estimativa para o IPCA deste ano de 1,61% para 1,63%, sem alterações na projeção para 2021. E, para o dólar, as projeções se mantêm com a moeda encerrando este ano em R$ 5,20 e em R$ 5,00 para o próximo ano.