Brasil e EUA seguem juntos, diz Mourão

O Brasil e os Estados Unidos manterão as mesmas ligações se o candidato democrata Joe Biden vencer a corrida. É o que garantiu o vice-presidente Hamilton Mourão nesta terça-feira (3), afirmando que os dois países têm uma relação[...] Leia mais →

Candidatos de vidas falsas

Candidatos a vereador estão comprando pacotes de empresas de marketing com histórias de vida pessoal, santinhos virtuais e propostas prontas para serem disparadas aos eleitores na internet e no Whatsapp. Mas elas não são verdadeiras. Os[...] Leia mais →

Dívida pública: custo maior, prazo menor

A dívida pública federal aumentou 2,59% em um mês e chegou a R$ 4,526 trilhões em setembro, com prazo mais curto e custo mais caro. Os investidores estão preocupados com as incertezas do governo no direcionamento da política[...] Leia mais →

Salários do funcionalismo engessam país

O Brasil é o 6º país que mais gasta com funcionalismo entre os 70 listados pelo Fundo Monetário Internacional. O país gastou 13,4% do PIB em 2018 com servidores públicos ativos e inativos. A Alemanha gasta 7,5%, apenas[...] Leia mais →

Anvisa não é contrária à Coronavac

O diretor da Anvisa, Antonio Barra Torres, negou que a agência possa atrasar a liberação de imunizantes, como a Coronavac, por causa das pressões de Jair Bolsonaro. Barra citou o Código Penal e afirmou que tomará todas as[...] Leia mais →

Kassio Marques aprovado para o STF

O desembargador federal Kassio Marques foi aprovado pelo Senado na quarta-feira (21), por 57 votos a 10, para substituir o ministro Celso de Mello em uma das 11 cadeiras do STF.  Ele tem 48 anos e poderá permanecer[...] Leia mais →

Bolsonaro desautorizou seu ministro da Saúde

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quarta-feira (21) que a vacina Coronavac não será comprada pelo governo federal. Um dia antes, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, reunido com João Doria e mais 23 governadores, anunciou que a[...] Leia mais →

Benefício emergencial prorrogado

O presidente Jair Bolsonaro prorrogou o Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda (BEM) até 31 de dezembro, data em que expira o estado de calamidade pública. O decreto autoriza que o governo pague uma parte[...] Leia mais →

Supersalários devem ser cortados?

A proposta de corte dos salários acima do teto do funcionalismo (R$ 39,3 mil), defendida por membros do governo e apoiada pelo ministro Paulo Guedes, enfrenta lobby de servidores, principalmente do Judiciário. O governo Dilma Rousseff tentou, sem[...] Leia mais →