Extintor de novo, não!

Ontem mesmo, quando estávamos festejando o fim das aulas em simuladores nas autoescolas, lembramos de outros absurdos como a obrigatoriedade do kit de primeiros socorros e dos extintores de incêndio nos automóveis, equipamento obrigatório em países como a Romênia e a Polônia mas dispensado no Japão, EUA, Alemanha e Inglaterra, por exemplo.

Hoje, o Estadão nos lembra que tramita na Câmara o PL 159/2017 que quer trazer a obrigatoriedade do extintor de incêndio de volta.

Não importa que em 40 anos não se comprovou sua eficácia, ou que novas tecnologias, como a injeção eletrônica e mudanças no tanque de gasolina, tenham reduzido enormemente a possibilidade de incêndio. 

Ou que, a menos que você tenha treinamento adequado, a coisa mais sensata a fazer na ocorrência de um incêndio é se afastar e pedir ajuda. Disque bombeiros, 193.