2020 e 2021: um ciclo único de ensino

São Paulo pretende juntar os anos letivos de 2020 e 2021 em um ciclo único de ensino na rede estadual. As regras para aprovação escolar serão definidas pelo governo e o Conselho Estadual de Educação nos próximos dias. 

O governo evita falar em aprovação automática, mas é o que parece que vai acontecer. Ao menos irão “baixar a régua” o suficiente para que os alunos que não conseguiram acompanhar as aulas online não sejam ainda mais prejudicados. A união dos ciclos dá mais tempo para que o conteúdo perdido seja ensinado.

A volta às aulas presenciais no estado de São Paulo se mantém para esta quarta-feira (7), mas na capital as escolas públicas e privadas poderão reabrir apenas para atividades extracurriculares, conforme determinação do prefeito Bruno Covas.