146 projetos paralisados no saneamento

Um levantamento da consultoria Radar PPP identificou 146 projetos de saneamento parados e apenas 68 em andamento. O estudo divulgado pelo G1 também revelou que dos 95 contratos já assinados com o setor privado na área de água e esgoto, 75 são concessões. As PPPs, parcerias público-privadas, somam 20 contratos.

A iniciativa privada opera atualmente em 6% dos municípios do país, segundo a Abcon, mas já responde por 20% dos investimentos feitos no setor. Isso representa R$ 37 bilhões previstos nos contratos já firmados. O novo marco legal do saneamento, aprovado recentemente pelo Congresso, aumentará a participação da iniciativa privada.

O BNDES prevê realizar 3 leilões no setor de saneamento ainda em 2020, incluindo o da Cedae do Rio de Janeiro. Mas o maior número de leilões só deverá ocorrer a partir de 2022. O setor privado tem interesse nos projetos já anunciados e na atividade de saneamento, mas aguarda a regulamentação do novo marco e a reestruturação da Agência Nacional de Águas.